• Tatiana Py Dutra

Esse prato é uma riqueza!

Conheça a receita e a história por trás da tradição do nhoque da fortuna, prato italiano celebrado a cada dia 29

O nhoque da chef Ticiana Werner leva molho funghi (Foto: Divulgação)

Se você nunca comeu nhoque em pé, com uma nota de dinheiro sob o prato, pelo menos deve ter visto alguém cumprindo esse ritual – tradição dos dias 29 de cada mês. Mas você sabe como nasceu essa prática?


Diz a lenda que tudo nasceu em um gesto de bondade de uma pobre família da Itália que, num certo 29 de dezembro, acolheu São Pantaleão em sua casa. O homem estava com frio e faminto, e mesmo tendo pouco a oferecer, a família dividiu a pouca comida que havia, um simples nhoque. Após a partilha, cada um ficou com sete massinhas no prato.


O santo comeu, agradeceu e foi embora. Ao recolher a louça, a família teve uma surpresa: havia dinheiro sob os pratos. Por isso, o dia 29 é dia do chamado nhoque da fortuna (ou da sorte). A simpatia diz que quem colocar dinheiro sob o prato e comer os primeiros sete pedacinhos em pé, pode fazer um pedido para cada massinha e, depois, comer à vontade. Ah, o dinheiro colocado sob o prato deve ficar guardado até o próximo dia 29, quando deverá ser doado a uma pessoa necessitada.


O prato


A criação da receita do nhoque é uma lenda à parte. Teria nascido em um período de guerra, quando a pobreza assolava a Itália e era preciso ser criativo para alimentar a família com poucos ingredientes. Inicialmente, era feita com farinha, ovos e água. Com o tempo, a receita ganhou batatas e molhos variados.


Deu vontade de comer? Aproveita que amanhã é dia 29 e prepara seu nhoque. A receita vai abaixo.

Nhoque da fortuna



Ingredientes

  • 600g de batatas asterix cozidas com casca em água e sal e espremidas quentes

  • 1 ovo

  • 2 xícaras (chá) de queijo parmesão ralado fino

  • Sal a gosto

  • 1 colher (sopa) de manteiga

  • 100g de farinha de trigo

Preparo

  1. Junte os ingredientes numa tigela, exceto a farinha, formando uma massa mole. Assim que esfriar, junte uma colher de sopa de farinha de trigo

  2. Misture massa até que fique homogênea e desgrude das mãos (adicione mais farinha, se necessário)

  3. Pegue uma porção e leve para uma superfície enfarinhada. Modele a mistura em forma de rolinhos finos e compridos

  4. Corte em cubos de um centímetro e vá colocando-os em uma fôrma enfarinhada

  5. Cozinhe os nhoques em água fervente com um fio de azeite e sal. Quando eles emergirem retire-os com uma escumadeira

  6. Coloque em um refratário e sirva com o molho de sua preferência.

Molho de carne seca


Ingredientes

  • 500g de carne seca dessalgada cozida e desfiada

  • 1 cebola média picada

  • 1 colheres (sopa) de azeite de oliva

  • Pimenta-do-reino a gosto

  • 300g de molho de tomate caseiro

Modo de preparo

  1. Em um panela aquecida em fogo baixo com azeite, doure a cebola, acrescente a carne-seca

  2. Tempere com pimenta-do-reino e acrescente o molho de tomate

  3. Deixe no fogo até apurar o sabor.

Molho funghi

Ingredientes

  • 100g de funghi

  • 100g de bacon (opcional)

  • 1 caixa de creme de leite

  • 1 cebola média

  • 1 tablete de caldo de carne

  • Salsinha e sal a gosto

Modo de preparo

  1. Coloque o funghi em uma tigela com água para hidratar. Quando estiver mole, retire e escorra o funghi e reserve uma xícara da água

  2. Frite o bacon e a cebola bem picadinhos, junte o funghi picadinho e o caldo de carne. Acerte o sal

  3. Adicione a xícara da água que hidratou o funghi e uma caixinha de creme de leite. Deixe engrossar naturalmente

  4. Junte ao nhoque e decore com salsinha.

0 visualização

© 2020 por BOA DE GARFO. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Ícone preto do Facebook
  • Ícone preto do Twitter
  • Ícone preto do Pinterest
  • Ícone preto do Instagram